Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Depois de já ter tentado tudo e mais alguma coisa para manter um trânsito intestinal regular, eis que vou tentar mais uma dica. Até agora, tudo tem falhado. Laevolac, pão, massa, arroz e cereais integrais, farelo de trigo na sopa, litros de água, kiwis, água de sementes de linhaça... nada resultou.

Ando a Microlax e a supositórios de glicerina. Mesmo usando a versão infantil para não ser tão prejudicial à flora intestinal, não pode ser uma medida regular. Ontem, fui à farmácia reabastecer-me de laxantes e a senhor que me atendeu disse-me que era demasiado para a criança. Lá tive que explicar que não era para nenhuma criança, que era para mim e que sabia que era muito mau, mas que já nada resultava. A senhora, uma farmacêutica com ar de avó super querida, recomendou-me que tentasse outra coisa, que o uso de laxantes era muito prejudicial. Sugeriu, então que comesse ameixas preas secas pela manhã, umas 4, e que depois bebesse muita água quente/morna. Eu já tinha ouvido falar em deixar uma ameixa seca num copo de água durante a noite e beber a sua água de manhã. Sinceramente, depois do falhanço da linhaça, disse-lhe que duvidava. A senhora garantiu-me que comesse pelo menos umas 4 e bebesse muita água. E que lhe fosse dizer se resultou ou não.

Como é óbvio, fui logo comprar 3 embalagens de ameixas pretas secas. Comprei no Continente, na zona dos frutos secos, a 2€ cada embalagem. À noite, comi 2. De manhã, mais 4. E a respectiva água morninha. Vamos ver como corre.

Paralelamente, ando a beber uns sumos e néctares (feitos na Bimby) com kiwis, laranja, pêra e o que houver. Basicamente, é uma forma mais agradável de ingerir kiwis sem ter de os comer efectivamente. Preciso muito que tudo isto resulte. Se tiverem sugestões, não hesitem em partilhar.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:00

Fiquei a conhecer uma nova dica para combater a obstipação. Nesta fase, experimento tudo, tal é o desespero.

Esta dica partiu do nutricionista que me acompanhava antes da gravidez. Desde então, não voltei lá e devia, claro. O nutricionista e a minha cunhada trabalham juntos no hospital e ela explicou-lhe o meu caso. Eu já estou fartinha de adiconar farelo à sopa e de estar sempre à procura de fontes de fibra. De vez em quando, como poderão acompanhar no facebook do Teste Posiitvo, eu vou adicionando umas sementes ao iogurte e à fruta, nomeadamente chia e linhaça douraça.

 

 

Pois, afinal comer as sementes inteiras, desta forma, não será o mais adquado para o meu intestino e até poderá agravar a obstipação. O que nutricionista sugeriu foi que adicionasse uma colher de chá de sementes de linhaça dourada a um copo de água e deixasse a repousar durante toda a noite. A água irá fazer libertar uma espécie de gel das sementes e é essa água que vamos beber logo de manhã.

Por acaso, eu até coloquei duas colheres de chá porque acho que preciso de uma dose maior. Tapei o copinho não fosse algum dos meus gatos ficar curioso com aquilo (sim, no outro dia apanhei-os a beber juntos o leite dos meus cereais). De manhã, coei a água para uma chávena e fiz alguma pressão com uma colher nas sementes que ficaram no coador, dado que aí havia uma maior concentração de gel. Depois, aqueci um pouco a água porque estou habituada a beber água morna de manhã.

O sabor não é muito agradável, mas também não é nada de extraordinário. Sabe mesmo a sementes, mas bebe-se de uma vez e está o serviço feito. Eu não faço ideia se isto vai resultar ou não, dado que hoje foi o primeiro dia. Depois também posso partilhar os meus resultados. Se alguma de vocês já está habituada a fazer isto, digam-me o que acham.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:10

Hoje, ao ler um artigo sobre partos, fiquei a saber de umas dicas para facilitar o parto. Atenção que todas as dicas são baseadas em estudos científicos. Então, é assim:

 

- Comer tâmaras.

Mulheres que comem tâmaras ao longo do 9º mês de gravidez têm menos probabilidades de precisar de medicação para desencadear o parto, segundo um estudo. Estavam também mais dilatadas quando chegavam ao hospital e os parto durava em média menos 7 horas. As tâmaras têm um composto semelhante à oxitocina, que provoca contracções. É recomendado o consumo de 6 tâmaras por dia no último mês de gestação.

 

 

- Dormir mais.

As mulheres que dormiam menos do que 6 horas durante o último mês de gravidez tinham partos 11 horas mais longos e 4 vezes mais cesarianas do que as mulheres que dormiam 7 horas ou mais. Ou seja, toca a arranjar um local confortável para dormir, usar muitas almofadas, dormir em cadeiras reclináveis, dormir sozinha... vale tudo para dormir bastante.

 

- Fortalecer as pernas.

A posição erecta ajuda, através da gravidade, a orientar o bebé para a saída. Isto pode encurtar o parto numa hora. Para nos mantermos verticais, precisamos de pernas fortes. Os agachamentos são importantíssimos para o parto. Podemos fazer um exercício muito simples. Colocamos uma bola de Pilates entre uma parede e a parte inferior das costas. Dar uns passos para a frente, afastar as pernas e fazer 3 sequências de 15 agachamentos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:00


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D